Imagens de cabeçalho aleatórias... Recarregue a sua página para ver mais!

Curso de Grafcet – pt. 7 de 7

CRIAR O LOOP PARA O ESTADO INICIAL
Agora temos de criar uma ligação entre a transição final e o estado inicial, uma vez que quando o procedimento para um veículo chega ao fim, temos de colocar o sistema novamente no estado inicial para que este fique pronto para processar o próximo veículo.
1. Traçar uma conexão a partir de uma transição
1.1. Clique da direita na última transição e seleccione Connections – Add Connection From Transition.
Um traço/conector estender-se-á da transição até ao cursor do rato.
1.2. Mova o cursor do rato para o “Estado_Inicial”. O cursor tornar-se-á uma seta.
1.3. Clique da esquerda do rato. O estado e a transição ficarão ligados e ficará com:

6. COMPILAR
Antes de simularmos o nosso projecto vamos compilá-lo para saber se há erros ou não.
1. Verificar todos os programas
1.1. Prima a tecla F7
A compilação começa e rapidamente aparecerá uma janela de informação com os resultados dessa compilação.
Deverá obter 0 errors, 0 warnings na penúltima linha. Caso contrário terá de corrigir o seu projecto antes de o simular.

2. Gravar o Projecto
2.1. Seleccione Menu File >> Save As…
2.2. Dê um nome ao seu projecto e clique em Save.


7. TESTE DE SIMULAÇÃO DAS TRANSIÇÕES

Antes de criarmos as Acções convém verificar como o programa funciona quando as condições de transição são satisfeitas, para ver se essa parte está bem.
Vamos então fazer isso.

1. Estabelecer uma ligação online
1.1. Seleccione Menu Simulation >> Work Online Simulator
1.2. Clique OK
O software fará um “download” do seu programa para o Autómato, download este virtual como é óbvio. Apenas no final de todos os testes faremos o download real para o Autómato.
1.3. Clique OK

2. Configurar as Condições de Transição
2.1. Seleccione Menu PLC >> Operating Mode – Monitor
2.2. Clique Yes
2.3. Clique na “Flag_Deteccao_Veiculo”.
Deverá aparecer-lhe, do lado direito do ecrã, o respectivo programa ladder dessa transição

2. Colocar a Entrada a ON
Vamos forçar / simular a entrada 0.00 (que, como se lembram corresponde ao “Sensor_Veiculo_Detectado”) a ON, isto é, aproxima-se um veículo.
2.1. Clique da direita em “Sensor_Veiculo” e seleccione Set-On
Então a saída Veiculo_Detectado (ladder) deve ficar a ON e a correspondente flag no Grafcet (“Flag_Deteccao_Veiculo”) deve ficar a TRUE, pelo que o estado do sistema passará do Estado_Inicial para o estado Emissao_Ticket.

2.2. Do mesmo modo que testou esta transição, teste todas as restantes.

3. Fim da Simulação
3.1. Seleccione Menu Simulation >> Work Online Simulator
3.2. Seleccione Menu Simulation >> Exit Simulator

8. CRIAR AS ACÇÕES
Cada estado tem associadas alguma(s) acção(ões) que se dão quando o sistema está nesse estado.
As acções também são programadas como programas ladder.
1. Registar o programa da acção
O estado inicial não tem nenhuma acção associada, pelo que vamos começar com a acção associada ao estado 2, “Emissao_Ticket”
1.1. Clique da direita no estado “Emissao_Ticket” e selecione Add Action – New Ladder Action
1.2. Clique da direita em Action 1, que foi adicionada pelo passo anterior, e seleccione Rename
1.3. Digite o nome da acção como “Emitir_Ticket”

2. Criar o Programa da acção
2.1. Duplo clique no programa “Emitir_Ticket”, do lado esquerdo do ecrã
Deverá aparecer o espaço de trabalho ladder à direita do ecrã
2.2. Criar o programa ladder:
Para tornar uma entrada ON quando o estado fica activo, vamos usar a flag P_On, que é uma flag que fica sempre a On (neste caso fica sempre a On quando estamos nesse estado, naturalmente).
Na saída vamos usar o endereço 10.00 para o mecanismo que vai emitir o ticket, e o 20.00 para a saída/contacto que vai activar a painel de mensagem.

3. Criar as restantes acções
Agora que já sabe como criar acções, crie as restantes acções da mesma forma que fez para a anterior.
Deverá ficar com:

2. Associar Qualificadores/Atributos às Acções
Existem vários qualificadores / tipos de acção.
Por exemplo, no caso da estado “Fechar_Cancela” a cancela só começa a fechar 3 segundos depois de o veículo ter passado, por motivos de segurança. Então temos de diferenciar esse tipo de acção das outras (qualificador=N), cujo início é logo assim que o sistema evolui para o respectivo estado.
Vamos ver:
2.1. Duplo clique em N na acção “Fecha_Cancela”
2.2. Seleccione D na drop-downlist
2.3. Duplo clique em 1s
2.4. Digite 3 e
Ficará com:

Isto quer dizer que quando o sistema passa para o estado “Fechar_Fancela” a acção a ele associada, “Fecha_Cancela” não ocorrerá de imediato, como sucederia se fosse qualificada com N, mas apenas se iniciará ao fim de 3 segundos (D 3s significa Delay/Atraso de 3 segundos).

9. SIMULAÇÃO
Vamos agora testar o sistema completo.
1. Estabelecer uma Ligação Online – Mude para modo Monitor
Tal como já fez quando testou as transições:
Menu Simulation >> Work Online Simulator

2. Forçar as transições a ON
2.1. Clique da direita em “Flag_Deteccao_Veiculo” e seleccione Force transition – On
O estado activo deve passar para o estado “Emissao_Ticket”
2.2. Duplo clique na acção “Emitir_Ticket”
Verifique o estado de execução do programa da acção, em ladder, no lado direito do ecrã. Ambas as saídas devem estar a ON.
2.3. Clique da direita na “Flag_Retirada_Ticket” e seleccione Force Transition – On
O estado activo deverá passar para o 3º estado, “Abrir_Cancela”
2.4. Duplo clique na acção associada a esse estado, “Abre_Cancela”
2.5. Clique na acção acima “Emitir_Ticket” de novo. Na zona ladder, confirme que as acções associadas ao estado anterior “Emissao_Ticket”, saídas 10.00 e 20.00 estão agora OFF.
Isto porque o sistema já evoluiu para o estado seguinte.

3. Testar a Operação das Acções
3.1. Force a “Flag_Cancela_Tot_Aberta” a ON
Verifique a operação das acções à medida que os estados vão ficando activos/desactivados.
Logo que o Sensor_Veiculo_Passado na transição Veiculo_passado fica a OFF, a transição “Veiculo_Passado” é satisfeita. O estado activo passa para imediatamente para “Fechar_Cancela” e acção a ele associada, “Fecha_Cancela” iniciar-se-á passados 3 segundos.
3.2. Quando a transição “Cancela_Tot_Fechada” for satisfeita, o sistema voltará a ir para o “Estado_Inicial” e tudo volta ao início (loop).

4. Terminar a Simulação
4.1. Seleccione Menu Simulation >> Work Online Simulator
4.2. Menu Simulation >> Exit Simulator

That’s all.

Março 10, 2009   Não há comentários

Curso de Grafcet – pt. 6 de 7

CRIAÇÃO DOS PROGRAMAS GRAFCET

1. Apagar o programa ladder
Como não vamos usar, neste exemplo, programação ladder, vamos apagar o programa ladder existente e adicionar um programa em Grafcet.
1.1. No espaço de trabalho do projecto:
Clique da direita em New Program 1 (00), e seleccione Delete.

Confirme clicando em Yes na janela pop-up que aparece.

2. Adicionar um Programa Ladder
2.1. No espaço de trabalho do projecto:
Clique da direita em Programs e seleccione Insert Program – SFC

Um novo programa a será registado.
O editor de SFC (Grafcet) b será mostrado.

Por favor faça Login ou Register para poder ler o resto deste post.

Fevereiro 28, 2009   Não há comentários

Curso de Grafcet (pt. 4 de 7)

PROJECTO – EXEMPLO (1)

Vamos ver agora, através de um exemplo, como se faz um projecto em Grafcet na sua totalidade.
Neste primeiro projecto vamos fazer o projecto todo “manualmente”, fazendo-se, no final a programação ladder resultante, que poderá se depois carregada para o autómato.
Na secção seguinte faremos todo o projecto (desde o grafcet) em software específico, o CX-Programmer, software esse que é depois capaz de descarregar automaticamente o programa para o autómato, a partir exactamente do Grafcet.

Enunciado:

Queremos criar um automatismo para comandar uma guilhotina, com as seguintes características.
. No estado inicial o automatismo encontra-se no estado de espera;
. Quando o operador prime um dos dois botões de pressão do sistema, este deve passar para um estado em que aguarda que seja pressionado o outro botão.
Nota: Por razões de segurança a guilhotina só pode cortar se o operador tiver as duas mãos ocupadas, cada uma a premir um dos botões.
Caso passem 5 segundos sem que o 2º botão seja premido, o sistema volta ao estado inicial.
Se antes de passarem os cinco segundos entre o premir de um botão e o premir do outro, ou seja, com os dois botões premidos em simultâneo, o sistema avança para outro estado, no qual a guilhotina inicia a operação de corte;
. Aqui, enquanto o corte é efectuado, se algum dos botões deixa de ser premido o sistema evolui para um novo estado e só sai dele, para o estado inicial, quando os dois botões deixarem de estar pressionados (assim se evita o reinício do processo se algum botão ficar “encravado”)
Caso os botões continuem premidos a guilhotina corta e quando atinge o final do corte passa para um estado novo
. Neste novo estado é lançada uma temporização de 5 segundos (tempo de segurança até novo corte) mas só passa para o estado inicial ao fim destes 5 segundos quando nenhum dos dois botões estiver premido.
Nota: assim se obriga o operador a largar os dois botões antes de se iniciar um novo processo de corte e se garante também que nenhum botão fica “encravado”.

Grafcet

Atribuição de Bits / Endereços:

Estados:
Estado Bits
E0 200.00
E1 200.01
E2 200.02
E3 200.03
E4 200.04

Transições
Transições Externas Entradas Descrição
b1 000.01 Botão mão direita
b2 000.02 Botão mão esquerda
fc 000.03 Fim de curso lâmina

Transições Internas Entradas Descrição
t1 TIM001 Tempo máximo entre botões
t2 TIM002 Tempo entre cortes

Acções
Acção Externa Bit / Estado Saída Operação
A+ (cilindro) 200.002 010.00 Guilhotina efectua o corte

Acções Internas Bit / Estado Saída Operação
T1 200.01 TIM001 Temporizador de 0,5 s
T2 200.04 TIM002 Temporizador de 5 s

Equações dos Estados
E0: 253.15 + 200.01 • TIM001 + 200.03 • /000.01 • /000.02 + 200.04 • /000.01 • /000.02 • TIM02
[ SET (200.00), RSET (200.01, 2003.03, 200.04) ]

E1: 200.00 • (000.01 + 000.02)
[SET (200.01), RSET (200.00)]

E2: 200.01 • 000.01 • 000.02 • /TIM001
[SET (200.02), RSET (200.01)]

E3: 200.02 • (/000.01 + /000.02)
[SET (200.03), RSET (200.02) ]

E4: 200.02 • 000.01 • 000.02 • 000.03
[SET (200.04), RSET (200.02)]

Programa Ladder




Agora era só digitar este programa, por exemplo no software Syswin, e depois carregá-lo para o autómato através de cabo próprio, por exemplo para o CPM1A. Ou então, passar este programa ladder para lista de instruções e introduzi-lo manualmente no autómato, por exemplo no C20K.

Fevereiro 23, 2009   Não há comentários