Imagens de cabeçalho aleatórias... Recarregue a sua página para ver mais!

MS Project 2007 – Tutorial em português, 52 pgs. (parte 3/20)

Curso Profissional de Técnico de Electrónica, Automação e Comando
Disciplina de Tecnologias Aplicadas
Módulo 9: Técnicas de Manutenção

Tutorial MS-Project 2007 – pt. 3/20

ÍNDICE
Criação de projecto novo 2
Introdução e edição de tarefas na lista de tarefas 4
Destaque das tarefas do projecto (tarefas, grupos de tarefas e subtarefas) 5
União de tarefas (dependência mais comum, fim-início) 7
Estabelecimento de dependências de tarefas (todos os tipos) 10
Utilização do assistente de gráfico de gantt / caminho crítico 12
Criação de listas de recursos 13
Atribuição de recursos às tarefas 15
Definição dos custos associados aos recursos 17
Criação, edição e atribuição de calendários / horários de trabalho 20
Manuseamento de tipos de definições de tarefas 26
Visualização das cargas de trabalho dos recursos 28
Nivelamento automático das sobrecargas de trabalho dos recursos 31
Nivelamento manual das sobrecargas de trabalho dos recursos 33
Definição de uma estrutura base para o arranque da execução do projecto (baseline) 35
Acompanhamento do progresso individual da execução das tarefas 36
Filtragem das tarefas e recursos 40
Ordenação das tarefas e dos recursos 43
Criação de tabelas e vistas personalizadas 46
Utilização de relatórios e criação de relatórios personalizados 49

[…continuação]

3. Destacar As Tarefas Do Projecto

Normalmente, as tarefas de um projecto podem e devem ser agrupadas, quando se tratam de tarefas relacionadas. Esses grupos de tarefas são designados por fases (do projecto). Isso exige alguma reflexão e estudo, individual ou em equipa, após o que se deve passar as conclusões para o projecto no MS Project.
Usualmente, também, cada fase do projecto irá ser atribuída a um grupo da equipa de projecto, para avaliação e acompanhamento futuro.

Vamos ver então como se agrupam as tarefas em fases.

–> Abra o ficheiro.

–> Faça as alterações convenientes para ficarmos com o projecto com as características que se seguem na tabela:

Plano Preliminar 1 d
Agendar data conferência 2 d
Marcar centro conferências 1 d
Marcar agenda orador 3 d
Plano preliminar concluído 0 d
Carta notificação 1 d
Encomendar stock cartas 1 h
Elaborar carta 1 d
Rever carta 1 d
Aprovar carta 1 d
Imprimir carta 2 d
Enviar carta 0 d
Detalhes reunião 1 d
Planear comida bufete 3 d
Arranjar salas reunião comité 1 d
Arranjar equipamento necessário 2 d
Criar agenda 3 d
Imprimir agenda 1 d
Reunião ocorre 0 d

É evidente que esta ordem “quase perfeita”, em que as tarefas que constituem cada fase se encontram seguidinhas, foi efectuada por alguém, isto é, exigiu um esforço anterior.
E mesmo assim… está “tudo” sempre a mudar num projecto…

–> Insira uma nova tarefa 1 “Reunião de accionistas”, e depois, efectue a indentação das tarefas desde a 2 até à 20.

A indentação (“chegar à direita”) faz-se seleccionando as tarefas em causa e clicando em , na barra de tarefas.

–> Destaque a lista de tarefas em três grupos como abaixo indicado:
Indente da tarefa 3 à tarefa 6;
Indente da tarefa 8 à tarefa 13;
Indente da tarefa 15 à tarefa 19.

Portanto, estas últimas 3 indentações já são indentações de indentação (a primeira).
Assim ficamos com um grupo/fase que é o projecto:
“Reunião de accionistas”
e, dentro dele, 3 fases / subfases, que são:
“Plano preliminar” em que são agrupadas as tarefas relacionadas com a preparação da reunião
“Carta notificação” em que são agrupadas as tarefas relacionadas com a carta de notificação a enviar aos convidados
“Detalhes reunião” em que são agrupadas as tarefas relacionadas com a reunião propriamente dita.
Note-se que esta divisão em fases, em cada projecto, não é uma coisa totalmente objectiva, dependendo pois de quem a faz.
… Mas também não é à balda.

Estamos assim:

Como já devem ter reparado, é possível esconder e visualizar as tarefas dentro de cada fase ou subfase, bastando para isso clicar nos ícones e respectivamente.
Experimente!

A imagem anterior é com “tudo à mostra” (vê-se as fases, subfases e tarefas) e a imagem a seguir é com (quase) “tudo escondido” (vemos apenas as fases e subfases, para além das tarefas não agrupadas).

[continua…]

Posts Relacionados:

0 comentários

Ainda não há comentários...

Mande uns "bitaites" preenchendo o formulário abaixo.

Deixe-nos um comentário