Imagens de cabeçalho aleatórias... Recarregue a sua página para ver mais!

Motores Lineares – Teoria (máquinas eléctricas 8/…)

Motores Lineares

Podemos usar um conjunto de bobinas para criar um campo magnético transversal, em vez de girante. O par de bobinas da animação abaixo são empurradas, da esquerda para a direita, de forma que a região do campo magnético movimenta-se da esquerda para a direita. Um electroíman permanente tenderá a seguir o campo, assim como uma placa de material condutor, porque o turbilhão de correntes induzidas nela (não mostradas na animação) abrangem o electroíman.
Como alternativa, podemos dizer que, da Lei de Faraday, é sempre induzida uma f.e.m. na placa de metal que se opõe a qualquer mudança no fluxo magnético, e as forças nas correntes criadas por esta f.e.m. mantém o fluxo na placa aproximadamente constante.

Em alternativa, podemos ter conjuntos de bobinas alimentadas na parte móvel, e induzir correntes de turbilhão no trilho. Ambos os casos nos dão um motor linear, que poderá ser útil, digamos, em comboios levitados magneticamente. (Na animação, a geometria é, como habitual, muito idealizada, e apenas uma corrente de turbilhão é mostrada.

Posts Relacionados:

0 comentários

Ainda não há comentários...

Mande uns "bitaites" preenchendo o formulário abaixo.

Deixe-nos um comentário