Arquivo de etiquetas: The London Philharmonic Orchestra

Howard Shore, C/ Ornette Coleman (Sol.) E The London Philharmonic Orchestra BSO – “Naked Lunch” (banda sonora / soundtrack)

Pop Rock >> Quarta-Feira, 30.09.1992


HOWARD SHORE, C/ ORNETTE COLEMAN (SOL.) E THE LONDON PHILHARMONIC ORCHESTRA
BSO – Naked Lunch
CD, Milan, import. Contraverso



A chave de “Naked Lunch”, a partitura, encontra-se, segundo Ornette Coleman, no minuto mágico de “Misterioso”, de Thelonius Monk. Um minuto onde o piano, o sax alto e a orquestra apresentam formas distintas que “não existiam antes da sua relação mútua”. Coleman vai mais longe ao afirmar que esta mesma relação é visível nos diálogos do filme de Cronenberg. Ainda segundo o saxofonista, tudo é “hamolódico” neste “festim nu”, isto é, numa definição simplista que “todas as partes são iguais”: da escrita musical ao “script”, diálogos, objectos e cores do filme. Só que há partes mais iguais que outras. Sem as baratas, as máquinas de escrever falantes e outras monstruosidades do filme, “Naked Lunch” tem a consistência de uma manta de retalhos orquestrais, perfurada ocasionalmente por parasitagens étnicas e cujo sentido apenas se autonomiza nas ocasiões em que o saxofone de Ornette Coleman lhes concede o sustentáculo do seu discurso, ora reminiscente do “free jazz”, ora transbordante de lirismo trágico, como em “Intersong”. “Interzone suite” é o tema mais harmolódico e dá uma boa ideia da confusão que reina na cabeça do personagem principal do filme, o escritor William Lee. O problema está em que, sem as imagens que provoquem o vómito, “Naked Lunch” não é tanto um festim mas um “lanche nu”. (6)