Arquivo de etiquetas: Sciss

Gas – “Pop” + Sciss – “Azoiphon”

04.08.2000
Gas
Pop (7/10)
Mille Plateaux, distri. Ananana
Sciss
Azoiphon (7/10)
Tabu 2000, distri. Ananana

gas_pop

LINK (parte 1)
LINK (parte 2)

Só por ironia o trabalho do alemão Wolfgang Voigt, sob a designação Gas, tem o título que tem: “Pop”. O que aqui é dado a ouvir é um longo e mântrico oceano de “chill out” e “ambient techno” cujos efeitos são semelhantes aos provocados pela inalação de um algodão embebido em clorofórmio ou à progressiva intoxicação de alguém que adormeceu no banho, asfixiado por uma nuvem de gás e de vapor num longo adeus de sonhos. Por detrás desta música ambiental parasitada por miasmas permanece uma cortina constante de sons de água inquinada a escorrer de um cano ou da tal fuga de gás. Perante este adormecimento dos sentidos reage-se de duas maneiras: ou se foge em pânico à procura de ar puro, ou se respira até ao fim e então a vontade esvai-se para se confundir com a nuvem tóxica que, inexoravelmente, tolherá a mente até a tornar inerte. Um álbum perigoso e sedutor, complemento tropical (com os mosquitos de malária incluídos…) da elegância gelada dos Biosphere. A música dos Sciss (alemães, sempre alemães…), pelo contrário, não pára quieta num constante desafio à atenção. Electrónica em regime de metamorfose, menos apostada em divertir do que em fazer trabalhar e em pregar sustos à imaginação. Pense-se nuns FX Randomiz com laivos de crueldade (quem se lembra dos The Art Barbecque?) ou nuns Cluster cortados aos bocados que depois são colados fora do sítio (“Blinder zaungast”), num caleidoscópio fosco de programações sem alma e melodias microscópicas. Apenas faltará “swing” a esta obra com matéria mais do que suficiente para dar de comer aos neurónios.

Share and Enjoy !

0Shares
0 0 0