Arquivo de etiquetas: Roger Eno & Kate St.-John

Roger Eno & Kate St.-John – “The Familiar”

Pop Rock

10 MARÇO 1993

Roger Eno & Kate St.-John
The Familiar

CD All Saints, distri. MVM


re

Dos dois irmãos Eno, Roger é, sem dúvida, o sal de frutos da família. Enquanto Brian se vai entretendo a pintar quadros com sons, Roger prefere melodias que ajudam à digestão. Autor de uma estreia promissora, “Voices”, em que recuperou com credibilidade o minimalismo pianístico-maçon de Erik Satie, a sequência “Between Tides” mostra-o interessado pela música de câmara ligeira num álbum com o seu quê de enjoativo. Neste novo trabalho, Roger Eno debruça-se sobre a amizade e os bons sentimentos, o que só lhe fica bem, até porque a música, por seu lado, serve igualmente para levantar os ânimos que o “stress” deitou por terra. Não é “new age” porque de “new” não tem nada, mas como massagem é eficaz. Regressam ecos de Satie, envoltos por arranjos mais carnudos, acompanhados, desta feita, por incursões de salão no universo purcelliano de Michael Nyman. As peças declaradamente ambientais embalam sem fazer adormecer. Kate St.-John empresta a voz de mosquinha na sopa a quatro temas na linha de jardinagem musical de Virginia Astley e, no fim, os dois acendem pauzinhos de incenso e trocam beijinhos de felicitações. Gente fina é outra coisa. (6)