Arquivo de etiquetas: Kate and Anna McGarrigle

Kate and Anna McGarrigle – “Matapedia”

POP ROCK

16 de Outubro de 1996
world

Kate and Anna McGarrigle
Matapedia
HANNIBAL, DISTRI. MVM


kate

As irmãs McGarrigle formam um par importante da música acústica de sabor doce, sendo os seus álbuns tanto melhores quanto melhor conseguem integrar o elemento de estranheza proveniente das diversas tradições musicais do Quebeque em que mergulham as suas raízes, em particular a elegância directamente herdada da influência francesa. Algo que tornou “Dancer with Bruised Knees” e “The French Record”, respectivamente de 1977 e 1981, em clássicos. Kate e Anna já trabalharam com Richard e Linda Thompson, Albion Band, Chieftains, Gilles Vigneault, Emmylou Harris e Daniel Lanois. As suas relações mais recentes incluem Joan Baez, convívio do qual parecem ter aproveitado algumas lições menos desejáveis. Em “Matapedia” (designação de uma cidade do Quebeque), álbum que quebra um intervalo de silêncio discográfico de seis anos, não desapareceram nem as típicas harmonias que se banham de forma fantasmagórica nos pântanos da música “cajun” ou nas baladas da tradição franco-canadiana dos Apalaches, nem o registo intimista que é timbre das irmãs. Só que a esta ligação não interrompida com a “folk” corresponderam desta vez algumas cedências de sabor mais “mainstream”. Estão neste caso o título-tema, em termos rítmicos, uma cópia bastante fiel de “Mrs. Robinson”, de Simon e Garfunkel, e o tema seguinte, “Goin’ back to harlan”, que funciona como se tivesse sido segredada por Joan Baez. Ultrapassado, porém, este pequeno impasse inicial, “Matapedia” não pára de inocular o seu “charme” perfumado, obrigando a uma e outra audição. “I don’t know”, “Hang out your heart”, “Arbre” (única vocalização em francês), “Jacques et Gillies”, “Why must we die” (um “hit” em qualquer região fantasma que se preze…), “Talk about it” (Laurie Anderson na folk?…) e “The bike song” estão ao melhor nível do duo. Quem procura os lugares por onde Sandy Denny andaria se ainda fosse viva deverá encontrá-los aqui. Um aquário de água doce onde nadam pequenos peixes perdidos. (7)