Arquivo de etiquetas: John Fahey

John Fahey – “Hitomi”

28 de Julho 2000
POP ROCK – DISCOS


John Fahey
Hitomi (7/10)
LivHouse, distri. Sabotage



Figura lendária do “underground”, herói para Jim O’Rourke, que o projetou como padrinho do pós-rockm influência assumida por Thurston Moore, dos Sonic Youth, John Fahey prossegue infatigável uma carreira desde há três décadas paralela aos grandes centros de decisão da indústria discográfica. A sua música fantasmática faz-se da devoção aos blues e à country, colados nas cordas da sua guitarra pela técnica do “fingerpicking” e por uma noção do tempo que ronda os princípios da hipnose. “Hitomi” apresenta uma sucessão de monólogos onde a introspeção e o silêncio se entrelaçam em longos mantras sulcados por efeitos de eco, reverberação e delay. Os “blues” alongam-se na dispersão das frases da guitarra, abrindo no seu interior espaços e síncopes. O tempo, repetimos, não é o mesmo para John Fahey e para um “bluesman” tradicional. Fahey estilhaça-o a seu bel-prazer numa música que tem tanto da serenidade zen (um “Delta flight” planante) como da inquietação súbita que um redemoinho de vento traz a uma cálida tarde de Verão. Quando, por fim, a guitarra se depara com o seu primeiro grande obstáculo, em “A history of Tokyo rail traction”, o embate com a eletrónica de Tim Knight e Rob Scrivener repõe com violência esta música do “outro mundo” na realidade das coisas sólidas que colidem e fazem ruído e causam dor. Como se o pós-rock reivindicasse à força os seus direitos, exigindo de John Fahey a atenção que este invariavelmente tem concentrada nas regiões mais estratosféricas da imaginação. São sonhos que se desvelam em “Hitomi”. Mas sonhos que causam desequilíbrio e exigem a reavaliação das normas que regem os passado. O que torna a música de John Fahey intemporal.



Share and Enjoy !

0Shares
0 0 0