Arquivo de etiquetas: Jan Jelinek

Jan Jelinek – “Computer Soup”

27.12.2002

Jan Jelinek
Computer Soup
Audiosphere, distri. Ananana
8/10

LINK

Ao cair do pano, a electrónica levanta a voz para proclamar que em 2002 nem tudo se volatilizou na cadeira eléctrica do “electroclash”. Jan Jelinek pertence à mesma família de Fennesz, artistas para quem a noção de entretenimento não obriga a reconhecimentos ou identificações imediatas. Radiações modulares, interferências subliminares, paisagismos delineados com estática e ruído branco, resíduos de programações dão sabor a esta “sopa de computador” que em nenhum momento esfria na preguiça de “grooves” manufacturados a metro. Jelinek pesquisa metodicamente as fronteiras do digital, trazendo para a sua mistura a crepitação espectral do “clicks & cuts”, “loops” em banho de ácido, a aleatoriedade (“Hot barbecue” sucede, 28 anos depois, ao monstruoso estúdio/sintetizador Kaleidophon deixado à solta por David Vorhaus num dos movimentos de “White Noise 2 – Concerto for Synthesizer”), o “krautrock” para o novo milénio de “The post-anthem” e um tom jazzístico que em “Straight life” e “Ballads” traz à baila o Miles Davis eléctrico.