Arquivo de etiquetas: Danielle Dax

Danielle Dax – “Blast The Human Flower”

Pop Rock

3 ABRIL 1991
LP’S

DANIELLE DAX
Blast the Human Flower

LP / CD, Sire, distri. Warner port.

dd

Na frente da capa, luminosa, Danielle Dax tem olhos e cor de fada. No verso, o inverso – arma em punho, colar de balas, maquilhagem de negro e desespero, em pose de mulher habituada à escuridão. Imagens opostas definidoras de uma atitude ambígua perante o mundo. Danielle inclui-se naquela faixa obscura de cantoras marginais, nascidas da “new wave”, que não sabem muito bem para onde se hão-de voltar. Mas enquanto se deixa ficar no limbo das indecisões, consegue perturbar. Agita fantasmas e acorda outros. Professa uma religião estranha, segundo os ritos de um “rock’n’roll” cinzento e doentio atravessado por bizarras incursões de psicadelismo orientalizante (“Tomorrow never Knows”), versão do tema da dupla Lennon/McCartney, em espirais de “loop” próximas das de Brian Eno em “No one Receives” e o tema final “16 Candles”, sombrio e obsessivo à maneira dos Velvet Underground).
“Bayou” abre-se ao canto de criaturas nocturnas voando sobre ritmos tribais. O espectro dos Velvets e de Nico em particular assoma de novo em “Daisy”. “King Crack” destila veneno e violência por todos os poros e “Deadman’s Chill” faz enregelar a alma. Versão britânica, bem mais convincente, de Nina Hagen, Danielle Dax faz passar discretamente a mensagem: “Ao canto de cisne do planeta Terra/ maravilhamo-nos com um remédio bem simples/ pegar na roupa/ limpar a ardósia/ retirar calmamente a fina camada de ferrugem/ e fazer ir pelos ares a flor humana.” Perigosa, a senhora. ***

aqui



Share and Enjoy !

0Shares
0 0 0