Arquivo de etiquetas: Battlefield Band

Battlefield Band – “New Spring”

Pop-Rock Quarta-Feira, 11.12.1991


BATTLEFIELD BAND
New Spring
CD, Temple, distri. Mundo da Canção



Detentores de uma já extensa discografia, os Battlefield Band têm exercido um notável trabalho de dignificação e recuperação da música tradicional escocesa, equivalente, em termos de atitude e formulário estético, ao papel desempenhado na década de 70, em Inglaterra, por grupos como os Fairport Convention ou Steeleye Span. À semelhança dos nomes citados, embora menos sensíveis ao apelo da rítmica rock, os Battlefield Band procuram novas vias para a música antiga escocesa. Os resultados, na forma de disco, têm variado entre o óptimo (“There’s a Buzz”, “Celtic Hotel” e sobretudo o magnífico “Home is where the Van is”, aqueles em que a vertente tradicional não chega a ser pervertida pela, por vezes despropositada, utilização da “caixa de ritmos” electrónica) e o sofrível (“Anthem for the Common Man”, pels razões inversas às atrás apontadas ou “Homeground”, registo ao vivo onde o entusiasmo não serve de desculpa ao tom de “desbunda” para onde por vezes descamba).
“New Spring”, gravado após mais uma alteração na formação dos Battlefield Band (da original permanece o teclista Alan Reid), nada adianta em relação a anteriores trabalhos. Falta-lhe a ousadia, substituída pelo repisar de fórmulas que já se vão tornando gastas. Exemplo desta atitude de “deixar andar” é a balada “Darien”, repescagem melódica de “The rovin’ dies hard”, de “Celtic Hotel”. Permanece intocável a reconhecida competência instrumental dos músicos e o prazer de reescutar a alma céltica no som da gaita-de-foles das terras altas, de Iain MacDonald. Talvez fosse o convívio excessivo com os fantasmas que tenha retirado encanto ao castelo. (6)

Share and Enjoy !

0Shares
0 0 0

Battlefield Band – “Threads”

Pop Rock

17 de Abril de 1996
world

Battlefield Band
Threads
TEMPLE, DISTRI. MC – MUNDO DA CANÇÃO


bb

Mais de vinte anos de carreira a levar a música da Escócia aos cinco cantos do globo não retiraram a mínima parcela de entusiasmo e frescura que são o garante da posição e do prestígio de que hoje desfrutam os Battlefield Band no circuito de música “folk” da Europa. Uma energia que contagia de imediato às primeiras notas das “Highland pipes” de Iain MacDonald no “set” instrumental de abertura. Surpresas, custa encontrá-las, mas como resistir à musicalidade, a rondar a perfeição, destes veteranos – descontando o benjamim John McCusker – que fazem da coerência e da integridade (foram-se definitivamente as caixas-de-ritmo de “Anthem for the Common Man” e “On the Rise”…) uma regra de conduta? Os Battlefield, como os Chieftains, na Irlanda, avançam com segurança, imperceptivelmente ao encontro de uma obra que as gerações posteriores irão consultar para também elas levarem mais longe o legado tradicional. Fiquem-se então com a sabedoria das teclas de Alan Reid, da gaita-de-foles de MacDonald e da guitarra de Alistair Russell. E sintam um arrepio, o terror dos mares e da caça às baleias (considerações ecológicas e humanistas à parte) na versão de A. L. Lloyd para “The weary whaling grounds”. Um álbum à altura da instituição. (8)



Share and Enjoy !

0Shares
0 0 0