Barry Black – Tragic Animal Stories

24.10.1997
Barry Black
Tragic Animal Stories (7)
Alias, distri. MVM

barryblack_tragicanimalstories

LINK

“A Horrível verdade sobre o plâncton” é o título do primeiro tema desta colecção de histórias tristes sobre os animais nossos amigos. Barry Black, aliás Eric Bachmann, vocalista e guitarrista, nas horas vagas, dos ruidosos Archers of Loaf, muniu-se de iscos, armadilhas e de uma razoável dose de humor negro, para aprisionar neste seu estranho painel de “freaks” musicais alguns bicharocos em graus vários de angústia existencial. Tubarões farejadores de sangue, elefantes duelistas, abutres, cães, chimpanzés, caracóis e até uma aranha a afogar-se formam um bestiário conceptual que Bachmann aproveitou para dar livre curso a tendências musicais muito pouco ortodoxas. Sem filiação estilística visível, “Tragic Animal Stories” evoluiu intuitivamente, por vezes de forma “naif”, por instrumentais que oscilam entre os “filmes negros” de Barry Adamson, a leitura de pautas por uns Penguin Cafe pouco dotados, o “nonsense” melódico dos Residents, um gosto por brincadeiras infantis nas guitarras à maneira de Snakefinger e uma marcha de John Philip Sousa. Vibrafones e marimbas, potes de água, banjo, trombones e trompetes desorientados, um piano adormecido, percussões simplórias e intromissões sonoras várias tomaram a pastilha antes de fazer esta banda-sonora zoológica, entre a defesa neurótica dos direitos dos animais atingidos pelo infortúnio e a anedota do papagaio.

Share and Enjoy !

0Shares
0 0 0

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.