Kreidler – “Resport”

27.06.1997

Kreidler
Resport (8)
Stewardess Düsseldorf, import. Symbiose

LINK (Mort Aux Vaches, 1999)

Com “Weekend”, o álbum anterior desta banda alemã liderada por Stefan Schneider, os Kreidler impuseram-se, naturalmente, dada a sua proveniência geográfica (Düsseldorf), como um dos representantes do pós-rock que assumiram, sem reservas, o legado teutónico do “krautrock” do início dos anos 70, em particular dos dois principais ócones do movimento, Neu! e Cluster. Mas não nos iludamos. Neste caso, como no do outro projecto de Stefan Schneider, os To Rococo Rot, esta assunção não partiu do nada, mas transitou da assimilação de tudo o que se foi desenrolando na Alemanha ao longo da década de 80, do industrialismo dos Einstürzende Neubauten ao pioneiro da samplagem, Hoger Hiller, passando pela electrónica minimalista dos Pyrolator, aliás, Kurt Dahlke. Em “Resport”, as composições originais dos Kreidler são remisturadas por Pyrolator, precisamente, Robert Lippock, Lan e Erik MMM, num trabalho de escavação e ampliação que de todo levou ao abandono definitivo do rock. O som espacializou-se, distendendo-se para dimensões que abarcam os automatismos cósmicos dos Kraftwerk de “The Men Machine” e um novo “dub” escavado nos confins da galáxia electrónica. Com “Resport”, a fábrica passou a ter as janelas abertas.

Share and Enjoy !

0Shares
0 0 0

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.